Eixo Norte terá aumento de 20% no número de trabalhadores para acelerar transposição na PB


As obras do eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco seguem em execução. O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, reafirmou o compromisso do governo federal, nesta quarta-feira (24), após fazer reunião técnica com o diretor de engenharia da empresa Emsa, Ubiratan Lima. A construtora é responsável pela primeira etapa (1N) do eixo Norte, que, quando concluído, levará a água para mais de 7 milhões de pessoas nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Durante a audiência, o diretor informou ao ministro Helder Barbalho que, atualmente, a Meta 1N do eixo Norte está com 27 frentes de trabalho ao longo dos 140 km de extensão da etapa. São 1.790 profissionais atuando nesse trajeto, com cerca de 500 equipamentos em operação. O diretor adiantou que em fevereiro o número de operário nos canteiros de obras vai subir 20% e atingir 2.148 trabalhadores.

A Meta 1N vai dar funcionalidade ao eixo Norte ao captar a água do Rio São Francisco, no município pernambucano de Cabrobó, e conduzi-la até a cidade de Penaforte, no Ceará. De lá, a água seguirá por meio das estruturas das outras duas metas (2N e 3N) que compõem o eixo até os estados da Paraíba e Rio Grande do Norte. Esses últimos trechos (2N e 3N) já estão praticamente finalizados, com 98% execução. Ao todo, o eixo Norte do Projeto São Francisco está com 94,9% de avanço físico.



Portal Correio
Eixo Norte terá aumento de 20% no número de trabalhadores para acelerar transposição na PB Eixo Norte terá aumento de 20% no número de trabalhadores para acelerar transposição na PB Reviewed by Guedes Erivaldo on 02:17 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.