OPINIÃO: O que é ser oposição política?


Na democracia, o papel da oposição é claro: fiscalizar a administração, os atos dos governantes, atuar como agente capaz de aperfeiçoar proposições de governo, ser catalisadora das demandas e insatisfações populares e, de certa forma, ajudar o governo a errar menos e administrar melhor, criticando, apontando equívocos e incongruências, destacando as consequências de desacertos e denunciando erros e omissões. 

Oposição competente contribui para se alcançar o objetivo da ação política. Além disso, deve ser propositiva e apresentar caminhos diferentes dos atuais para garantir maior eficiência do setor público e possibilitar o constante crescimento nacional.

A oposição no Brasil não segue esses parâmetros; é sempre contra e faz oposição por oposição, sem linha definida e sem nenhuma coerência.

Durante a minha vida, tenho observado ambos os ambientes e aprendi que estar ao lado do governo não é apenas apoiar sem questionar ou contestar; e ser oposição não é somente ser contra, mas sim debater e também contribuir. Portanto é importante que não sejamos inconsequentes, sem critérios e linha política definida, se assim agirmos, perderemos a credibilidade.





Erivaldo Guedes com Luiz Carlos Borges da Silveira, médico, empresário e professor.

OPINIÃO: O que é ser oposição política? OPINIÃO: O que é ser oposição política? Reviewed by Guedes Erivaldo on 02:22 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.