Açudes do Sertão e de Boqueirão aumentam volume em fevereiro; confira


Três dos principais açudes da Paraíba têm um aumento sistemático no volume. No Sertão, o motivo principal são as chuvas que foram registradas no mês de fevereiro. Já no Agreste, além das precipitações, as águas da transposição do Rio São Francisco vêm ajudando a encher mais os mananciais da região.
De acordo com dados da Agência Executiva de Gestão da Águas (Aesa), o açude Epitácio Pessoa, localizado no município de Boqueirão, e que abastece Campina Grande e cidades circunvizinhas, agora está com 48.660.728 m³, atingindo 11,82% da sua capacidade, marca que não registrava desde março de 2016.
No Sertão, região do estado que mais sofre com a seca e que possui vários mananciais em situação de emergência, as chuvas deram gotas de esperança para os sertanejos. Neste mês, as dez cidades que registraram as maiores quantidades de chuvas são sertanejas.
O resultado das precipitações é visto na prática com o crescimento dos volumes nos reservatórios na região. No açude Coremas, localizado no município de Coremas, o manancial teve um aumento na capacidade este mês, fato que não ocorria desde abril do ano passado. Agora, o açude está com o volume de 37.325.498,40 m³, 6,31% da sua capacidade.
O outro açude do município e que integra, ao lado do Coremas, o principal complexo hídrico do Sertão, o Mãe d’Água, apesar de seguir em uma situação bem crítica, também obteve uma melhora neste mês. O manancial saiu de 2,75% de sua capacidade e agora está com 3,37% do seu volume total, atingindo, no momento, 19.140.246,20 m³.

Portal Correio
Açudes do Sertão e de Boqueirão aumentam volume em fevereiro; confira Açudes do Sertão e de Boqueirão aumentam volume em fevereiro; confira Reviewed by Guedes Erivaldo on 02:14 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.